SPTrans admite falha e estudará soluções para os usuários de linhas canceladas

Na noite da última terça-feira ocorreu na Prefeitura Regional da Vila Maria e Vila Guilherme a Audiência Pública uma respeito do cancelamento de quatro linhas de ônibus da região, ocorrido no último sábado. Estiveram presentes representantes de diversas entidades da região, da SPTrans, da população e da Sambaíba Transportes.

De acordo com o relato do repórter do “Diário da Zona Norte” (clique no link para ler a matéria), os representantes da SPTrans tentaram, mas não conseguiram justificar as falhas na divulgação das alterações e nem a necessidade delas. Tampouco a falta de opções para a população, que, com o cancelamento das linhas 2175/10 Jardim Guançã – Praça da Sé, 2171/10 Vila Sabrina – Parque Dom Pedro II e 2204/10 Jardim Guançã – Praça da Sé ficou sem atendimento direto à região central.

Ao final da audiência, o representante da SPTrans Rodrigo Alencar reconheceu as falhas e se comprometeu a tomar providências em busca de soluções para os problemas causados pelo cancelamento das linhas. Além disso, também irá estudar soluções para outras demandas apresentadas pela população.

“A SP Trans dará retorno em uma nova reunião, com divulgação através da Prefeitura Regional e estudaremos todas as reivindicações apresentadas”, disse. O retorno poderá levar até 15 dias.

José E. Sales

É blogueiro desde 2009, primeiramente no extinto "Linha Circular" e, agora, no "Circular Avenidas". Foi colunista da "Revista Interbuss" entre 2010 e 2015. É um apaixonado por mobilidade urbana, especialmente por ônibus. Também é estudante de jornalismo e quer se especializar na área de mobilidade urbana. Fale conosco: contato@circularavenidas.com.br .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *