Ônibus elétrico irá operar linha gratuíta em Volta Redonda

9 de outubro de 2017 2 Por José E. Sales
Ônibus elétrico irá operar linha gratuíta em Volta Redonda

Começa a operar nesta segunda a primeira linha de ônibus com tarifa zero de Volta Redonda, município do estado do Rio de Janeiro. A linha fará a ligação gratuita entre quatro centros comerciais do município (Vila Santa Cecilia, Centro, Aterrado e Retiro). A ideia da prefeitura é estimular o consumo dentro do município levando o consumidor a todos os pontos comerciais sem onerá-lo.

“Vamos testá-lo por trinta dias para saber quantos passageiros utilizarão o Tarifa Comercial Zero. A ideia é aquecer a economia, levando os consumidores aos principais centros comerciais da cidade, sem interferir nas linhas convencionais. Além disso, o veículo não provoca poluição sonora e nem atmosférica. Com tudo isso, vamos melhorar a mobilidade de Volta Redonda”, disse Samuca Silva, prefeito de Volta Redonda.

Ônibus da BYD chegando em Volta Redonda. (Fotos: Geraldo Gonçalves, Secom/VR)

O veículo tem capacidade para 84 passageiros (27 sentados e 57 em pé) e possui piso-baixo – facilitando o acesso de cadeirantes -, posssui ar condicionado e wi-fi. “O veículo com ar condicionado, internet Wi-Fi e ligações USB para recarregar aparelhos moveis. É isso que nossos moradores merecem. A mobilidade de Volta Redonda está passando por transformações e em breve a população vai vivenciar mais novidades e melhorias, pois seguimos trabalhando em prol do desenvolvimento da nossa cidade”, disse o prefeito na nota distribuida pela Prefeitura.

A secretaria de Transporte e Mobilidade Urbana determinou as seis paradas para embarque/desembarque que o veículo fará em seu trajeto:
– Avenida Paulo de Frontin (em frente à prefeitura);
– Vila Santa Cecilia (atrás do Escritório Central);
– Avenida Gustavo Lira (Centro);
– Rua Eduardo Junqueira (Centro);
– Avenida Lucas Evangelista, no Aterrado (em frente do Sesi);
– e no cruzamento da Avenida Savio Gama com Rua Campos (Retiro).

Estas paradas serão exclusivas para esta linha e ela não vai interferir na circulação das demais, que continuarão a ser pagas. O tempo de viagem previsto será de cerca de uma hora.