Radial Transporte: Nova fase contra o coronavírus no Alto Tietê

ALTO TIETÊ/SP – Números: 240 litros de álcool em gel; 300 litros de álcool 70%; 400 litros de desinfetante; 500 litros de sabão neutro; 900 litros de bactericida industrial para higienizar ônibus. Foi tudo o que a Radial Transporte utilizou para higienizar os ônibus que circulam nas cidades de Suzano, Ferraz de Vasconcelos e Poá em seis meses de combate ao coronavírus, causador da Covid-19.

A empresa foi uma das primeiras a divulgar ações de combate ao coronavírus, mesmo antes da Covid-19 se tornar uma pandemia. Já durante a pandemia, as equipes foram triplicadas e passaram a fazer mais de 300 higienizações diárias. Além disso, 20 profissionais envolvidos na limpeza dos coletivos antes de saírem às ruas.

Além da preocupação com os coletivos, a Radial ainda organizou forças-tarefa para a limpeza do Terminal Norte de Suzano e do Terminal Rodoviário Pedro Fava – Cidade Kemel. Houve ainda distribuição de máscaras nos terminais e a publicação de alertas e informes sobre o coronavírus nas redes sociais.

O balanço semestral das ações contra a transmissão do vírus é tido como um fator importante, principalmente diante do plano de retomada econômica anunciada pelo Governo do Estado de São Paulo. “Este é um momento singular, perfeito para analisarmos os resultados anteriores e estruturarmos novas estratégias”, afirma Antônio Caetano, encarregado operacional da Radial Transporte.

No momento, a região do Alto Tietê está na fase amarela do Plano São Paulo, permitindo uma maior flexibilização da quarentena, com a reabertura parcial do comércio, shoppings center, concessionárias, atividades imobiliárias e escritórios. Desta forma, a Radial estuda as medidas para atender o aumento da demanda sem prejudicar a saúde dos passageiros.

“Nós estamos na luta desde janeiro. Lançamos campanhas de conscientização nas redes sociais, distribuímos panfletos, entregamos máscaras descartáveis e também criamos um programa para oferecer renda adicional às costureiras da região. Continuaremos o trabalho para amparar a população neste período de crise”, conclui Antônio.

Além de intensificar a limpeza, a empresa ofereceu cerca de 300 máscaras respiratórias para idosos e instalou recipientes de álcool em gel nos terminais para higienização das mãos. Para conscientização, foram impressos 20 mil panfletos, distribuídos para usuários dos coletivos, e também foram confeccionados banners, que foram fixados em pontos estratégicos dos terminais rodoviários urbanos.



Este site é o Circular Avenidas, informativo sobre mobilidade urbana, e não temos nenhum vínculo com empresas ou gestoras de transporte.
Se tiver fotos, vídeos ou informações, mande para esales@circularavenidas.com.br ou para as redes sociais, via mensagem direta.
Siga-nos nas redes sociais:
– no Facebook: www.facebook.com/circularavenidas
– no Twitter: twitter.com/circavenidas
– no Instagram: www.instagram.com/circularavenidas
– informações via Telegram: https://t.me/CircAvenidas


José E. Sales

Estudante de jornalismo e um apaixonado por mobilidade urbana, especialmente por ônibus. Fale conosco: esales@circularavenidas.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.