Sugestões para a Nova Rede continuam abertas

Foi o que disse o Secretário Sérgio Avelleda, em discussão com blogueiros no último sábado

No último sábado, houve um encontro de blogueiros, jornalistas e pessoas atuantes em mídias sociais com o Secretário Municipal de Mobilidade e Transportes Sérgio Avelleda e diretores e supervisores da SPTrans. O encontrou foi no auditório do Museu do Transporte, no bairro do Canindé, na zona norte de São Paulo.

O tema principal das discussões foi a mudança nas linhas de ônibus que ocorrerão com a contratação das novas operadoras das linhas de ônibus. Uma lista divulgada pelo Movimento Passe Livre e, posteriormente, outra divulgada pela SPTrans, trouxe o assunto à pauta das discussões nos últimos dias. Como a maioria das questões eram específicas a linhas de ônibus, elas foram anotadas pela equipe da SPTrans. No entanto, o secretário se manifestou a respeito da falta de uma melhor comunicação entre a Prefeitura e a população, que também foi queixa de várias intervenções: “Não é fácil comunicar essa questão. Quando muda uma linha já é dificil comunicar… (…) Então, a primeira coisa é que eu acho que a gente precisa tranquilizar a população porque a comunicação que foi feita esta semana por ONGs, blogs e tal, deu a sensação de que a mudança é amanhã. (…) Não vai! Não vai! A mudança começa seis meses depois de assinado o contrato. Se tudo der certo, assinamos o contrato em junho. Seis meses é dezembro. Ou seja, em 2018 não muda nada. Começa a mudança de maneira muito devagar”.

O Secretario esclareceu ainda que o recebimento de sugestões para a Nova Rede continua: “Mudar a Rede, nós mudamos agora. Depois de quinze anos de assinados os contratos de concessão, nós continuamos mexendo na rede. E será sempre assim. Nenhuma cidade do mundo tem uma rede estática. A menos que a cidade seja estática, que nada aconteça naquela cidade: não inaugure Universidade, não inaugure linha de Metrô, não inaugure bairro novo, não tenha invasão, não mude o viário… (…) Então, todas as sugestões de rede continuam abertas.”, disse referindo-se aos contratos que serão substituídos pela próxima licitação, assinados na gestão da Prefeita Marta Suplicy em 2003. O e-mail para o envio das sugestões é o comunidade@sptrans.com.br . Se quiser embasar melhor seus questionamentos ou sugestões, sugiro consultar os mapas da Nova Rede e o site sptrans.com.br/novarede (colocamos os links neste post).

Além de perguntarmos sobre as linhas, questionamos também sobre o possível aumento no tempo de integração do Bilhete Único: “Na nossa simulação não há necessidade de aumento. Na simulação que a gente rodou com todos os destinos da cidade na nova rede. Mas, na vida real, se a gente perceber… Nós não acreditamos que isso vá acontecer.” Então, complementamos a questão citando a limitação do BU Mensal a dez integrações. No entanto, o secretário não tinha a resposta para aquele momento, passando a questão à equipe da SPTrans para futura resposta.

Novidades – Antes da discussão, o Secretário ainda divulgou algumas iniciativas para os próximos dias:
bike sampa: a entrada de outros operadores no sistema de compartilhamento de bicicletas;
bicicletário no Terminal Cidade Tiradentes: será inaugurado neste mês de março um bicicletário no Terminal, tanto para deixar a sua bike como para compartilhamento. Nele, o usuário poderá deixar a sua bike quando for utilizar as linhas do terminal ou alugar uma, pernoitar com ela, e devolver na manhã do dia seguinte quando for para o trabalho;
aplicativos para taxi: a partir da primeira semana de abril deverá ser lançado um aplicativo para taxis, com base no utilizado pelos taxistas do Rio de Janeiro;
linha de ônibus para o CT Paralímpico: deverá ser lançada no próximo sábado. Ela será operada por micro-ônibus e levará os atletas que treinam no centro de treinamento Paralímpico, no Jabaquara;
linha-modelo: serão duas linhas operadas com um “padrão de serviço” considerado ideal pela SPTrans. Os motoristas deverão cumprimentar os usuários e os cobradores anunciar os pontos de parada. Será colocada no trajeto ao longo das duas linhas publicidade focando nas virtudes do transporte público. As duas linhas, que não foram mencionadas, são da Transwolff e da Campo Belo.

Se quiser rever o vídeo completo do encontro, o disponibilizamos abaixo. Mas ele é bem longo…

Publicado por SPTrans em Sábado, 10 de março de 2018

José E. Sales

É blogueiro desde 2009, primeiramente no extinto "Linha Circular" e, agora, no "Circular Avenidas". Foi colunista da "Revista Interbuss" entre 2010 e 2015. É um apaixonado por mobilidade urbana, especialmente por ônibus. Também é estudante de jornalismo e quer se especializar na área de mobilidade urbana. Fale conosco: contato@circularavenidas.com.br .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.