A chuva atrapalhou o transporte na tarde-noite desta quarta

17 de outubro de 2018 0 Por José E. Sales
A chuva atrapalhou o transporte na tarde-noite desta quarta

Uma chuva um pouco mais forte… E a cidade para. É um problema eterno que ninguém consegue conter na grande São Paulo. E tudo isso causa transtornos à população. Transtorno que está durando até o momento.

O “Diário da CPTM” publicou vídeos, de agora a noite, mostrando uma lotação na Estação Santo Amaro. Há mais de uma hora não há registro de ocorrências tanto na Linha 5-Lilás quanto na Linha9-Esmeralda.

Vídeo publicado das 19h, aproximadamente.

 

Vídeo postado por volta das 20h15.

Mais cedo, por volta das 14h05, a Linha 7-Rubi da CPTM teve problemas entre as estações Francisco Morato e Jundiaí. A queda de uma árvore prejudicou a operação até às 18h00, quando a circulação foi normalizada.

Outra linha da CPTM que teve problemas foi a Linha 10-Turquesa. Por volta das 17h10, um alagamento entre as estações Utinga e Prefeito Celso Daniel-Santo André paralisou a circulação por alguns minutos. Em torno das 17h45 a circulação começou a ser normalizada.

O metrô também não ficou livre de problemas. A plataforma da estação Adolfo Pinheiro, da Linha 5-Lilás, operada pela concessionária ViaMobilidade, ficou inundada no final da tarde. Segundo a fanpage do Facebook “M’Boi-Mirim”, houve o afundamento da calçada na entrada da estação. A circulação da Linha 5 chegou a ter lentidão por alguns minutos mas logos foi normalizada.

Abaixo, dois vídeos que recebemos dos alagamentos:

Em nota ao portal “Via Trólebus”, a ViaMobilidade disse que o grande volume de água do entorno da estação atingiu um poço de ventilação situado na calçada, atingindo o interior do prédio.

Vale lembrar que não foi a primeira vez que houve um alagamento na estação Adolfo Pinheiro. Em 31 de março deste ano, também depois de uma chuva, a estação teve de ser fechada e a circulação de trens interrompida por conta de um alagamento. Na época, foi acionado PAESE entre as estações Largo Treze e Alto da Boa Vista. Naquela época, a estação ainda era administrada pela Companhia do Metropolitano de São Paulo (o Metrô).

Ônibus – Diversas vias ficaram alagadas no final da tarde de hoje. Entre elas, a Avenida Victor Manzini, no Socorro, pontos da Av. Luiz Ignácio de Anhaia Mello, na Vila Prudente, da Avenida Cupecê, Avenida Aricanduva e Jornalista Roberto Marinho e da Avenida das Nações Unidas, em Santo Amaro. Nesses locais, o fluxo de coletivos é grande, o que gerou diversos atrasos.

Neste momento (21h53), os pontos de alagamento instransitáveis ativos são os seguintes:

Santo Amaro – dois pontos de alagamento na Marginal Pinheiros: um próximo à Ponte Transamérica, nos dois sentidos; e outro próximo à Av. Interlagos, no acesso à Av. das Nações Unidas.
Vila Prudente – dois pontos de alagamento na Av. Luiz Ignácio de Anhaia Melo: um na altura da Praça Rui Roxo, nos dois sentidos; e outro na altura da Rua Américo Vespucci, também nos dois sentidos;
Ipiranga – Av. Abraão de Morais, sentido Santos-Sâo Paulo, próximo à Rua Francisco Tapajõs e Ribeiro Lacerda; e
Aricanduva – na Av. Aricanduva, no sentido Marginal-Itaquera, próximo à Av. Itaquera.

E há ainda um ponto de alagamento transitável:
Cidade Ademar – na Avenida Interlagos, em ambos os sentidos, próximo à Rua Eng. Allyrio Hugueney de Mattos e da Av. Sarg. Geraldo Sant’anna.

As linhas de ônibus que trafegam por esses pontos, tanto transitáveis como intransitáveis, podem sofrer atrasos.

==========

Siga o Circular Avenidas nas redes sociais: