São Paulo SPTrans

SPTrans lança edital da licitação por ônibus. Será que vai?

E à 0h desta quinta-feira, 6 de dezembro, a Prefeitura de São Paulo colocou no ar o edital de licitação do sistema por ônibus da cidade de São Paulo. Ele foi relançado depois de pouco mais de sete meses depois da versão anterior, que foi impugnada pelo Tribunal de Contas do Município (TCM). Em 24 de outubro o TCM liberou a continuidade do certame desde que a Prefeitura procedesse alguns ajustes no documento.

O formato, no geral, permanece o mesmo, com 32 áreas distribuidas em três sistemas de linhas:
– sistema Estrutural, que compreende linhas que transportam grande quantidade de passageiros por corredores e vias de grande movimento, distribuida em nove áreas. Serão operadas com veículos maiores, como ônibus articulados, articulados de 23m e biarticulados;
– sistema Local de Articulação Regional: linhas com ônibus padron e padron 15m, que ligam bairros ao centro dos grandes bairros/distritos e faz a ligação entre bairros/distritos diferentes sem passar pelo centro, distribuídas em dez áreas;
– sistema Local de Distribuição: linhas que ligam os bairros a terminais e a estações de metrô e trens metropolitanos. Nessas linhas serão usados ônibus midis ou até ônibus básicos (motor dianteiro), distribuidas em treze áreas.

Linhas – A grande polêmica do começo do ano foi a lista de linhas que estão na rede de referência. Neste edital, assim como nas três versões anteriores, a Prefeitura não fez a correspondência entre as linhas que ficam e as que serão extintas com o novo sistema.

A lista de linhas da Rede de Referência está no anexo 3.1 do edital. Observando a relação de linhas, percebeos que foram feitas a inclusão de linhas que não constavam nas versões anteriores do edital. Algumas delas: 857A/10 Terminal Campo Limpo-Metrô Santa Cruz, 6014/10 Jardim Jacira-Terminal Santo Amaro e 6422/10 Vila Cruzeiro-Terminal Bandeira.

Por outro lado, linhas que estiveram nas versões anteriores trocaram de “categoria”. A atual 695H/10 Jardim Herplin-Terminal Santo Amaro, que aparecia dentre as de Articulação Regional da nova área 7 no edital anterior, neste está dentre as Estruturais. Já a atual 637V/10 Parque América-Terminal Santo Amaro, que aparecia dentre as de Articulação Regional, agora está dentre as Locais de Distribuição.

E, por fim, há ainda linhas que estão com enquadramento discutível. Uma delas é a 6840/10 Jardim Jacira-Terminal Capelinha, que foi colocada como linha “Local de Distribuição”, operando com ônibus básicos. Só que hoje a linha opera somente com ônibus articulados e ganhou mais importância ainda depois que a Linha 5-Lilás de metrô começou a operar até a região central. Aliás, a linha 675L/10 Terminal Santo Amaro-Metrô Santa Cruz continua constando nas tabelas do edital com frota de ônibus articulados de 23m sendo que, desde que a Linha 5-Lilás chegou ao Metrô Santa Cruz, ela perdeu boa parte de sua demanda, passando a operar com ônibus padron.

Como vemos, é um edital muito discutível e polêmico. O que deveria ser uma peça importante para a melhoria das condições do transporte paulistano ainda deixa muito a desejar.

A entrega dos envelopes com as propostas ocorrerá no dia 18 de janeiro. Quem quiser conferir o edital, ele está no site www.sptrans.com.br/edital .

==========

Siga o Circular Avenidas nas redes sociais:

1 COMMENTS

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado.