Número de passageiros sobe nas linhas 1-Azul e 2-Verde; e cai na 4-Amarela

Nesta terça, o jornal “O Estado de S. Paulo” publicou uma reportagem sobre o aumento de demanda nas linhas 1-Azul e 2-Verde depois da inauguração da Linha 5-Lilás. Segundo a reportagem, com a abertura da conexão entre as Linhas 5 e 2 na estação Chácara Klabin, a Linha 2-Verde ganhou cerca de 50 mil viagens diárias, aumentando de 701 mil para 750 a 753 mil viagens diárias. O número maior de viagens refletiu na lotação da estação. Antes ela era uma das mais vazias do sistema, com cerca de 8 mil passageiros/dia. Na semana passada, a média foi de 48 mil passageiros/dia.

Já na Estação Santa Cruz, ponto de conexão entre as linhas 5-Lilás e 1-Azul, a média diária de passageiros subiu de 63 mil para 108 mil. Segundo a concessionária Via Mobilidade, entre os dias 16 e 17 de outubro, embarcaram cerca de 60 mil passageiros na Estação Santa Cruz e 42 mil na estação Chácara Klabin.

Linha 4-Amarela – Se houve acréscimo nas Linhas 1-Azul e 2-Verde, na Linha 4-Amarela houve um alívio. Segundo dados da ViaQuatro, empresa que administra a linha, passados ao “Estado”, 130 mil pessoas passaram pela estação Paulista nos dias 16 e 17 de outubro. O número é 7% menor do que a média dos dias úteis do mês anterior. Já na estação Pinheiros a queda foi maior, de 14%. Uma boa notícia para o usuário do trecho, que pode viajar com um pouco mais de conforto.

José E. Sales

Estudante de jornalismo e um apaixonado por mobilidade urbana, especialmente por ônibus. Fale conosco: esales@circularavenidas.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.