Ciclofaixa experimental é instalada em Pinheiros

Na última quinta-feira, 27 de dezembro, foi implantada uma “ciclofaixa operacional” na região de Pinheiros. Ela conecta a ciclovia da Rua Pedroso de Morais com o Terminal Pinheiros. Trata-se de uma parceria entre a Prefeitura de São Paulo e as empresas de compartilhamento de bicicletas Tembici (que gerencia a Bike Sampa) e a Yellow.

A ciclofaixa tem 1.100 metros de extensão e segue pelas ruas Costa Carvalho, Sumidouro, Eugênio de Medeiros e Capri, onde está localizado o Terminal Pinheiros. Ela foi implantada em caráter experimental por 60 dias – por isso ela é delimitada por cones – e não tem definição de sentido: podem trafegar ciclistas que vem da Pedroso ou que vem do Terminal Pinheiros. Nos postes próximos aos cruzamentos e travessas foram colocados cartazes com orientações aos ciclistas.

Início da “Ciclofaixa Operacional” no sentido Pedroso de Moraes, próximo ao Terminal Pinheiros.

Neste sábado percorremos o trajeto da ciclovia. Os cartazes de orientação estão colocados em maior quantidade entre as ruas Sumidouro e Capri. No começo da ciclofaixa, próximo à Rua Pedroso de Moraes, há uma faixa da CET informando a implantação da ciclofaixa a partir de 26/12. Não havia grande movimento na região. Vimos apenas um ciclista pedalando.

Durante os 60 dias, a CET em conjunto com a Yellow e a Tembici irão manter a operação da ciclofaixa e realizar estudos de demanda no local para posterior implantação de uma ciclovia permanente. Nesse estudos serão observados o comportamento dos ciclistas, o uso ao longo do dia e eventuais problemas geométricos que precisem ser corrigidos.

Depois da implantação da ciclovia, a Tembici e a Yellow irão assumir a manutenção dela e os cones, adquiridos pelas empresas, serão doados à CET.

Segundo a Prefeitura, a implantação da ciclofaixa foi discutida em duas Audiências Públicas com moradores da região. Ao logo do trajeto vemos muitas bikes das duas empresas.

Interdição da Marginal Pinheiros – A interdição da Marginal Pinheiros foi um dos fatores que influenciaram na criação desta ciclofaixa. Pelo menos a declaração do presidente da CET Milton Persoli vai nesse sentido. De acordo com o comunicado da prefeitura, ele destaca que “a nova via exclusiva também amplia a mobilidade em uma área diretamente atingida pela interdição da Marginal Pinheiros”.

Com as limitações no trânsito de veículos na Marginal Pinheiros, muitos frequentadores da região de Pinheiros passaram a utilizar as ciclovias como meio de acesso ao bairro.

==========

Siga o Circular Avenidas nas redes sociais:

José E. Sales

Estudante de jornalismo e um apaixonado por mobilidade urbana, especialmente por ônibus. Fale conosco: esales@circularavenidas.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.