Passageiros poderão receber a vacina contra febre amarela nesta terça, em São Mateus

Os passageiros que ainda não foram vacinados contra a febre amarela têm a chance de garantir a proteção contra a doença amanhã ter-feira (26) e na próxima quinta-feira (28), no Terminal Metropolitano São Mateus, das 8h00 às 11h00 e das 17h00 às 19h00.

A população não deve deixar para depois. Em 2018 mais de 500 pessoas foram infectadas e, desse total, 175 vieram a óbito.

Em 2019, de acordo com o Centro de Vigilância Epidemiológica, a febre amarela já causou nove mortes do total de 36 casos registrados entre janeiro e a primeira quinzena de fevereiro.

A transmissão do vírus no meio urbano ocorre por meio da picada do mosquito Aedes aegypti, que procria na água parada e se prolifera nas casas e adjacências.

Essa é uma parceria da EMTU/SP com Prefeitura de São Paulo, por meio da Unidade de Vigilância em Saúde – UVIS da região.

As ações contínuas promovidas pela EMTU/SP, em parceria com instituições de saúde de diversos municípios, fazem parte da estratégia da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo para imunizar a população que ainda está exposta ao risco de contrair a doença.

Serviço
Ação: vacinação contra a febre amarela
Data: 26 e 28/03
Local: Terminal São Mateus
Endereço: Avenida Adélia Chohfi, 100 – Jardim Vera Cruz – São Paulo
Horário: das 8h00 às 11h00 e das 17h00 às 19h00

Texto: Gerência de Marketing Institucional – EMTU

==========

Além do Transporte é uma seção destinada a informações de cunho social encaminhadas por empresas operadoras de transporte, gestoras e outros atores da mobilidade urbana.

Encaminhe seu release para esales@circularavenidas.com.br ou pelo nosso Whatsapp (11) 94040 3050.

José E. Sales

Estudante de jornalismo e um apaixonado por mobilidade urbana, especialmente por ônibus. Fale conosco: esales@circularavenidas.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.