Governo do Estado anuncia “monotrilho” que ligará a Linha 13 aos terminais de Cumbica

28 de Maio de 2019 0 Por José E. Sales
Governo do Estado anuncia “monotrilho” que ligará a Linha 13 aos terminais de Cumbica

Na tarde desta terça, o governador João Dória, ao lado do Secretário dos Transportes Metropolitanos Alexandre Baldy e do Ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, anunciou a construção de um “monotrilho” que irá ligar a estação Aeroporto-Guarulhos, da Linha 13-Jade, aos três terminais de passageiros do Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos. O anuncio ocorreu no Palácio dos Bandeirantes, sede do Governo do Estado, na zona sul paulistana.

Embora o termo utilizado pelo Governador e pelos comunicados do Governo do Estado tenha sido “monotrilho”, o modal deverá ser um “People Mover”, um modal semelhante mas com menor capacidade de transporte.

Trajeto do “monotrilho” dentro do Aeroporto. Arte: Governo do Estado de São Paulo.

O investimento estimado será de R$ 175 milhões e será bancado pela concessionária do Aeroporto de Cumbica, a GRU Airport. Este valor será abatido do valor de outorga que a GRU paga pela concessão do Aeroporto. O modal terá 2,6km de extensão e capacidade para transportar 2.000 pessoas por hora/sentido. O tempo de trajeto entre o Aeroporto e o Terminal 3 será em torno de 6min – de ônibus, hoje, o tempo é de 10min.

“Uma carência que tinha a principal cidade brasileira e o principal aeroporto do país. Encontramos uma solução de engenharia e financeira para viabilizar esta ligação. Portanto, passageiros que desembarcarem em Guarulhos terão acesso ao monotrilho nas três estações dos terminais do aeroporto. E os passageiros desembarcarão diretamente no seu terminal de voo, como em qualquer aeroporto internacional civilizado do mundo”, disse o governador João Dória.

As obras do “monotrilho” devem começar no segundo semestre, com previsão de entrega para 2021. Como as áreas por onde o modal irá passar são federais, não haverá custo com desapropriação.

==========

Siga o Circular Avenidas nas redes sociais: