Linha 10-Turquesa: trens mais novos a partir de 10/07; Linha 20-Rosa: inicio dos estudos

Durante a apresentação do BRT que substitui a Linha 18-Bronze de monotrilho, o Governador João Dória também anunciou melhorias para a Linha 10-Turquesa da CPTM e o início dos planos de construção da Linha 20-Rosa do Metrô. Não se sabe se a ideia do anúncio conjunto foi uma maneira de amenizar uma possível rejeição à troca do modal da Linha 18.

Sobre a Linha 10-Turquesa, o Governo anunciou a troca da frota de trens: saem os trens da “Série 2100”, os trens espanhóis, trazidos para o Brasil na década de 90; entram os das séries 7000 e 7500, trens que começaram a operar entre 2010 e 2012. Eles devem começar a operar a partir da próxima quarta-feira, 10 de julho.

Além da troca de frota de trens, o Governo ainda anunciou obras de melhorias na sinalização. “O ramal será adequado ao padrão Metrô de qualidade.”, diz a nota do Governo. Além disso, está em desenvolvimento a o projeto para a implantação da estação Pirelli, que ficará entre as estações Celso Daniel – Santo André e Capuava. A nova estação será feita em conjunto pela CPTM e a Prefeitura de Santo André.

Metrô – Além da modernização da Linha 10-Turquesa, o Governo do Estado anunciou o início dos estudos para a construção da Linha 20-Rosa de metrô. Ela ligará o bairro de Rudge Ramos, em São Bernardo do Campo, à Lapa. A Lei de Diretrizes Orçamentárias, que autoriza a contratação dos projetos, já foi autorizada pela Assembleia Legislativa. Está previsto para o mês de agosto a apresentação dos dados e cronograma do projeto.

==========

Siga o Circular Avenidas nas redes sociais:

José E. Sales

Estudante de jornalismo e um apaixonado por mobilidade urbana, especialmente por ônibus. Fale conosco: esales@circularavenidas.com.br

Um comentário em “Linha 10-Turquesa: trens mais novos a partir de 10/07; Linha 20-Rosa: inicio dos estudos

  • 4 de julho de 2019 em 04:05
    Permalink

    Na entrevista eles falam também em entregar a concessão da L10 para o Metrô no futuro, foi perto do final do assunto da demanda do BRT.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.