Obras da Estação João Dias já podem começar

13 de janeiro de 2020 0 Por José E. Sales
Obras da Estação João Dias já podem começar

A Licença de Instalação foi publicada no Diário Oficial da última sexta


SÃO PAULO/SP – A Secretaria dos Transportes Metropolitanos do Estado de São Paulo divulgou que no Diário Oficial do Estado de São Paulo (DOESP) do última sexta, 10 de janeiro, foi publicada a Licença de Instalação para a construção da Estação João Dias. Ela que fará parte da Linha 9-Esmeralda da CPTM e, com a publicação deste documento, as obras da estação poderão ser iniciadas.

A estação João Dias será construída entre as estações Santo Amaro e Granja Julieta, da Linha 9-Esmeralda da CPTM. As obras serão feitas pela Brookfield Properties, empresa do Grupo Brookfield, responsável por um empreendimento comercial que fica próximo ao local da estação. A construção custará R$ 60 milhões e estará a cargo da Construtora Telar, contratada pela Brookfield. Após o termino das obras, a estação será doada ao Governo do Estado, passando a ser operada pela CPTM.

Pelo projeto, a estação João Dias terá uma entrada principal na Marginal Pinheiros e outra dentro do empreendimento Brookfield Properties, que possui duas torres corporativas. A estação contará ainda com um edifício principal, escadas rolante, passarela de acesso à Plataforma central, escadas rolantes e fixas e elevadores.

O prazo da obra é de 31 meses.



CONTATOS COM O CIRCULAR AVENIDAS
Este site é o Circular Avenidas, informativo sobre mobilidade urbana e transporte rodoviário.
– não temos nenhum vínculo com empresas ou gestoras de sistemas de transporte.
– se tiver fotos, vídeos ou informações, mande pra gente: 11 94040 3050, via Whatsapp ou Telegram (só para texto. Não atenderemos ligações para o fone ou chamadas de áudio pelo Whatsapp/Telegram).
Siga-nos nas redes sociais:
– no Facebook: www.facebook.com/circularavenidas
– no Twitter: twitter.com/circavenidas
– no Instagram: www.instagram.com/circularavenidas
– informações via Telegram: https://t.me/CircAvenidas